?>

5 Livros que me tornaram um gestor médico mais eficiente

20/02/2019

Cada vez mais, estou convencido de que a leitura transforma a vida das pessoas para melhor. Sempre gostei de ler, mas, desde que assumi a posição de gestor médico, por meio do cargo de diretor administrativo hospitalar, esse hábito se intensificou.

 

Decidi me aprofundar em uma área que não era exatamente a da minha primeira formação e, de lá para cá, muita coisa aconteceu, inclusive alguns hábitos pessoais foram revistos.

 

Devo muito do que evolui como gestor médico aos livros que li e, neste artigo, compartilho cinco obras que considero fantásticas quando o assunto é crescer profissionalmente.

 

Veja se você já leu alguma:

 

1 - Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes (Stephen R. Covey)

Aborda as principais formas de conduta que devemos adquirir para alcançar o sucesso, independente da área em que o desejamos.

 

Explica, de forma detalhada, por que as pessoas eficazes precisam ser proativas, ter um objetivo definido, priorizar tarefas, valorizar e respeitar todos os tipos de relações, buscar ouvir e compreender em primeiro lugar, renovar as atitudes e buscar “afinar o instrumento” sempre.

 

"Ninguém pode convencer ninguém a mudar. Os portões da mudança só podem ser abertos de dentro para fora." (Stephen Covey)

 

2 - O Poder do Hábito (Charles Duhigg)

O livro que esteve na lista dos mais vendidos do New York Times é um profundo estudo dos hábitos. Explicam como eles nascem e como podem ser transformados, facilitando que tenhamos o controle total das nossas ações.

 

“Os hábitos, dizem os cientistas, surgem porque o cérebro está o tempo todo procurando maneiras de poupar esforço.” (Charles Duhigg)

 

3 - Comunicação Não-Violenta (Marshall Rosenberg)

Apresenta técnicas para aprimorar relacionamento pessoais e profissionais, com metodologia criada pelo autor, que é psicólogo. Interessante é que o método pode ser aplicado em situações diversas, com qualquer tipo de grupos ou pessoas.

 

“Quando nos concentramos em esclarecer o que está sendo observado, sentido, e necessário ao invés de diagnosticar e julgar, descobrimos a profundidade de nossa própria compaixão.” (Marshall B. Rosenberg)

 

4 - Rotinas Criativas (Alexandre Teixeira)

O “antimanual de gestão do tempo para a geração pós-workaholic” traz uma leitura bem agradável com dicas de como conciliar produtividade e criatividade a uma vida saudável e cheia de propósito.

 

Com depoimentos de executivos e empreendedores bem-sucedidos, mostra que é possível controlar as atitudes diárias e, mesmo com pitadas de “rebeldia”, viver e trabalhar melhor. O livro substitui o “fugir da rotina” pela criação de uma rotina transformadora.

 

 “A agenda é minha dona? Ou eu sou dono dela?” (Alexandre Teixeira)

 

5 - Geração de valor (Flávio Augusto da Silva)

Do fundador da escola de inglês Wise Up, o escritor e empreendedor conta como cresceu em uma família simples, com valores pragmáticos, e escolheu o caminho do empreendedorismo, assumindo riscos e se tornando um dos mais jovens brasileiros bilionários.

 

“Não fique no meio do caminho. Já tem um monte de gente lá.” (Flávio Augusto da Silva)

 

Tem muitos outros livros que eu poderia citar, mas deixar para a próxima lista. Me acompanhe nas redes sociais que sempre publico dicas por lá. Boa leitura!

Gostou da matéria?

Deixe o seu contato que lhe manteremos atualizado com todas as dicas e novidades